Pequenos Poemas e Pensamentos Aleatórios pt. II

>> 04 setembro 2008

Os portões do inferno estão abertos
E todos os demônios estão sobre mim.
Jogando pragas
Amaldiçoando minha vida.

Se você foi alguém pra mim
Realmente não é mais.
Se você um dia significou algo pra mim
Realmente hoje não significa mais.
Toda a devoção, toda a admiração por você se foi
Como a àgua do rio desàgua no mar.

Minha janela está aberta
Vejo a rua iluminada
Grandes prédios, pequenas casas
Todos somos iguais de longe
Mas me aproximo um pouco
E vejo grandes diferenças.
Cores, cabelos, roupas,
sapatos, atitudes, personalidades
Você me olha e eu sinto o quanto somos diferentes
O quanto minha alma é livre
E a sua pressa ao material.
Minha janela está aberta
Fecho os olhos e ainda vejo a lua
Iluminando cada ser
Cada canto da cidade
Pensei que poderíamos ser iguais
Mas me enganei quando abri os olhos.

Cristina Santos
© Copyright 2007 - 2008

3 comentários:

Rodrigo 4 de setembro de 2008 20:48  

a cada poema que eu leio você consegue me surpreender mais :O
parabéns.

beijo :*

monica ash 5 de setembro de 2008 02:09  

existe muito sentimento nas suas palavras. acho q verdadeiros poetas não precisam de técnica nem de métrica, só de sentimento.

bjão pra ti cereja!

Tyellë 6 de setembro de 2008 05:46  

Senti sua falta hoje...
lembrei de umas coisas...

me liga assim que puder ou passa seu tel
bjus
se cuida !!!

Sigam-me Os Maus

Cuma ?

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

  © Blogger templates Shiny by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP